Qual é afinal o papel da (in)formação em RM?

Home   /   Qual é afinal o papel da (in)formação em RM?

Qual é afinal o papel da (in)formação em RM?

É fundamental que um profissional de RM ou um aspirante de RM tenha formação adequada pois só assim terá as bases para uma visão estratégica geral que lhe permita elaborar e pôr em prática um plano de RM.

Ao obter um diploma ou certificado por uma instituição pública ou privada, está a garantir o sucesso da sua estratégia, senão vejamos…quantos de nós tínhamos uma visão global sobre a estratégia de Receitas? Quantos de nós ao iniciar um cargo enquanto RM’s, tínhamos a visão da Distribuição? Segmentação e Forecast ? Pricing…? Estes são efetivamente os 4 principais pilares de RM, Segmentação, Forecast, Pricing e Distribuição.

Numa formação completa e profissional, o formador ou professor irá partilhar o seu conhecimento e fazer com que estes 4 pilares só façam sentido se analisados enquanto um só, ou seja, a nossa estratégia é uma só e todas as possibilidades têm de estar interligadas. Na teoria parece ser fácil mas na verdade como será na prática? Aqui começamos o capítulo da informação e por isso é fulcral que nas formações que decidam fazer , que analisem primeiro a capacidade tecnológica do curso ou formação que vão frequentar, bem como a experiência do formador.

É comum pensarmos que podemos adquirir alguns manuais e ficar na posse de todas as faculdades para exercer enquanto RM, mas não é! Numa formação é necessária não só a teoria mas também a componente prática, no fundo é quase como tirar a carta de condução sem nunca ter conduzido. É portanto fundamental que aprendam a manusear alguns softwares como Chanel Managers , RMS, PMS, CRS, rate shoppers, etc pois apesar de todos serem diferentes , só após os terem entendido é que serão capazes de tomar decisões pois estarão na posse de (in)formação queria deu ferramentas e conhecimento para tal. Uma das perguntas que faço sempre que início uma formação é de auscultar a opinião dos formandos sobre qual é papel do Rev. Manager. A reposta, essa, é quase sempre a realização de relatórios mas a verdadeira reposta é a de analisar relatórios gerados pelos diferentes softwares. E aqui, entramos no capítulo da informação, sem a qual não seria possível obter os melhores performances, sem a qual não seria possível tomar e aplicar decisões estratégicas aprendidas durante a formação. Por isso escolhi este título para este artigo -(in)formação.

E vocês, o que acham da preponderância (ou não) da formação e informação no desemprenho de RM?

Partilhe o artigo nas suas Redes Sociais ou envie diretamente a um amigo!