Os Melhores Revenue Management Systems (RMS) para 2020

Home   /   Os Melhores Revenue Management Systems (RMS) para 2020

Os Melhores Revenue Management Systems (RMS) para 2020

O que é um Revenue Management Systems ou RMS?

Os Revenue Management Systems analisam dados internos, oferta de mercado e procura dos clientes para calcular as tarifas ideais para seus quartos. Isto permite otimizar os preços nos seus canais de distribuição a partir de um painel centralizado.
O seu uso cresceu rapidamente nos últimos anos. No entanto, ainda existem entre 80 a 90% de hotéis que não adotaram qualquer prática de RMS. Com isso em mente, a implementação dos Revenue Management Systems irá colocá-lo numa posição vantajosa em relação à sua concorrência e dará ao seu hotel uma vantagem substancial.
No entanto, com tantas opções disponíveis, pode ser um desafio saber por onde começar. Neste artigo, exploramos os benefícios, funções e opções disponíveis para o seu hotel. No final, esperamos que esteja pronto para começar a implementar o RMS na sua unidade. Mas se quiser uma recomendação, entre em contato connosco.

Como é que os Revenue Management Systems beneficiam o seu hotel?

Os RMS podem analisar grandes quantidades de dados de forma extremamente rápida. O software usa algoritmos, trabalhando 24 horas por dia, 7 dias por semana e 365 dias por ano. Os humanos não conseguem realizar estes cálculos complexos com tanta rapidez e precisão.
Os cálculos determinam as suas tarifas ideais por tipo de quarto e dia. Além disso, os Revenue Management Systems permitem ajustar instantaneamente os preços em todos os canais de distribuição a partir de uma única plataforma. Como resultado, é possível melhorar drasticamente o seu RevPAR e GOPPAR.
No entanto, os Revenue Management Systems não se destinam a substituir as pessoas. Longe disso. A sua maior vantagem é que eles permitem que os Revenue Managers se concentrem nas coisas que eles fazem melhor: serem criativos, pensarem com flexibilidade e tomarem decisões estratégicas. Um RMS é tão bom quanto o Revenue Manager que o utiliza. O sistema precisa de absorver o que o Revenue Manager sabe e permitir substituições manuais.
Com os RMS, os Revenue Managers podem ir além de folhas de cálculo e preços manuais. Eles podem entrar em campo, trabalhando mais de perto com os departamentos de Marketing, Vendas e Front-Office. Mais importante ainda, eles podem se concentrar no desenvolvimento e implementação de estratégias de longo prazo para maximizar a receita total.
No entanto, os Revenue Management Systems também beneficiam outros departamentos. Os General Managers terão soluções que os guiarão em tarefas críticas, enquanto tomam decisões automaticamente. Os vice-presidentes de Revenue, Marketing e Vendas podem criar uma cultura de receita sustentável em todos os níveis da organização.
Os hotéis que serão bem-sucedidos no futuro serão os que aproveitarão ao máximo esta tecnologia agora. Estes irão utilizar os Revenue Management Systems para estabelecer estratégias de longo prazo em todo o hotel, em vez de trabalhar no dia-a-dia com táticas reativas.

Principais recursos a procurar ao escolher o seu RMS

Os Revenue Management Systems são softwares sofisticados, com uma ampla gama de funções. Os requisitos exatos dependerão de sua propriedade, inventário e equipa. No entanto, existem algumas funções essenciais que devem ser incluídas.

1. Gestão de Forecasting
O primeiro passo num Revenue Management eficaz é prever a oferta e a procura. Qualquer software de RMS deve oferecer uma funcionalidade de Forecast completa e precisa. Essas previsões devem ser baseadas em várias fontes de dados. Para além disso essas previsões devem ser flexíveis para que possam ser atualizadas em tempo real.

2. Sistema de Preços
A principal função dos Revenue Management Systems é o sistema de preços. Este recurso usa todos os dados disponíveis para otimizar as tarifas dos quartos, calculadas para diferentes tipos de quartos e dias. Estes preços devem ser divididos em reservas individuais, reservas corporate e reservas de grupos. Alguns sistemas permitem ainda alterar os preços de cada canal.

3. Gestão dos Canais de Distribuição
Um Revenue Management System deve permitir que o Revenue Manager implemente as otimizações de preços em todos os canais de distribuição através de apenas uma plataforma. Um sistema de RMS de alta qualidade integrará a funcionalidade de gestão dos canais. Isso permite que o Revenue Manager altere e verifique os preços e inventário no website do hotel, OTAs e plataformas de reserva de hotéis de maneira rápida e eficiente.

4. Relatórios
Os dados são a base de tudo o que os Revenue Management Systems fazem. No entanto, não é útil se não conseguir aceder, entender e agir de acordo. Os softwares de RMS devem fornecer relatórios e gráficos de desempenho claros para todos os canais e atividades. Isso deve incluir KPIs e informações relevantes, personalizadas e facilmente exportáveis para as diferentes equipas analisarem.

Quais são os melhores Revenue Management Systems para o seu hotel?

Os Revenue Management Systems são benéficos para hotéis de todos os tamanhos. Os hotéis menores têm menos quartos e devem maximizar a receita gerada por cada quarto. Para hotéis maiores, a carga de trabalho do Revenue Management manual torna-se problemática e resulta em oportunidades perdidas e erros mais frequentes.
Como tal, não há um RMS de ‘tamanho único’. No entanto, trabalhamos em estreita parceria com um grupo seleto de fornecedores de software que consideramos os melhores do mercado. Essas empresas fornecem serviços e suporte incomparáveis para clientes de todos os tipos e tamanhos.

1. Climber RMS
A Climber RMS é uma estrela nacional em ascensão no campo do software de Revenue Management. Com sede em Lisboa, a Climber ajuda hotéis em todo o mundo a maximizar sua receita, definindo automaticamente o preço ideal por tipo de quarto. Para além da recomendação de preço (onde os hotéis conseguem definir os próprios algoritmos de preço), a Climber conta com uma interface user-friendly, um Forecast assertivo e um excelente módulo de BI. A Climber é usada em diversos países, com hotéis que variam entre 16 e 600 quartos. Depois de apenas 5 anos no mercado, a Climber é na opinião da Revenue Management Academy como o software de Revenue Management número um para hotéis, com base na relação preço qualidade.

2. Duetto
O Duetto GameChanger é outra opção que permite que a sua equipa desenvolva e implemente estratégias de maneira rápida e fácil e pode otimizar todas as reservas fazendo yield de forma independente em todos os segmentos, canais e tipos de quartos em tempo real, com informações aprimoradas sobre a procura, mas aqui poderá pesar a parte dos custos/investimento.

3. IDeaS
A IDeaS, uma empresa SAS, é a fornecedora líder mundial de software e serviços de Revenue Management e já conta com mais de 30 anos de experiência. O IDeaS fornece ciência de Revenue para mais de 13.000 clientes em 140 países. Ao combinar o conhecimento da indústria com a tecnologia inovadora de análise de dados, o IDeaS cria maneiras sofisticadas e simples de fornecer aos líderes do Revenue decisões automatizadas e precisas. Desde as principais redes de hotéis até propriedades independentes, os clientes confiam no IDeaS para fornecer decisões lucrativas de preços todos os dias. Neste caso também recomendamos uma análise detalhada do investimento a realizar.

Conclusão: Como Escolher o Revenue Management System?

Todo hotel possui requisitos específicos quando se trata do software de RMS. A chave do sucesso é garantir uma ferramenta simples e eficaz que capacite e não frustre a sua equipa. Este software deve incluir uma interface amigável para que todos no hotel possam utilizá-lo.
Os recursos necessários dependem do seu negócio, histórico e objetivos. Da mesma forma, a sua equipa terá diferentes níveis de conhecimento com os Revenue Management Systems. O ponto final a ter em mente é que nenhum RMS é bom para o seu hotel se não gerar um ROI positivo ao utilizá-lo. Sendo assim, recomendamos que discuta as suas opções com um consultor de Revenue Management da Revenue Management Academy.

Podemos fornecer uma opinião imparcial, adaptada às suas necessidades exatas. Se desejar uma recomendação pessoal ou uma introdução a um dos fornecedores de RMS mencionados, entre em contacto connosco.

Hugo Gil Esteves, Head of Strategy & Revenue Services da RM Academy

Alexandra Moutinho, Office Assistant Manager da RM Academy